A transformação

Você tornou-se cristão, sabe o que Deus fez na sua vida? Leia com atenção cada obra milagrosa que Deus fez em você, imediatamente após confessá-lo como Salvador de sua vida.

  1. Justificação – A justificação pela fé é a verdade fundamental da provisão de Deus para a salvação dos pecadores culpados e perdidos. É o ato de Deus pelo qual Ele declara justo aquele que crê em Cristo. O próprio Deus é que faz esta declaração, Ele te coloca na posição de um justo. É como se a pessoa nunca tivesse pecado, todo o pecado cometido até o dia do arrependimento foi colocado no mar do esquecimento, a culpa do pecado foi totalmente removida. Sua graça abundante e maravilhosa nos faz ser recebidos em seu favor como se jamais tivéssemos transgredido as suas leis.
  2. Regeneração – Outro ato de Deus, o chamado novo nascimento, no qual somos purificados, vivificados , tornados nova criatura, morremos para o mundo e ressuscitamos espiritualmente. A partir desta regeneração o mal de nosso espírito é retirado, passamos da condição de mortos em pecados para vivificados em Cristo, somos novas pessoas espirituais, nascidos do Espírito Santo e não mais da carne, e a partir de agora o que nos importa é o Reino de Deus, não mais este mundo terreno mergulhado no pecado. Deus nos capacita a uma vida de vitória sobre o pecado e o mundo.
  3. Adoção – Quando recebemos Cristo e cremos no Seu nome, Deus nos concede uma filiação, nós passamos a ser filhos e Deus o nosso Pai. O Espírito Santo dá testemunho de nossa qualidade de filhos em nós mesmos, para que tenhamos certeza desta condição que Deus nos dá. Agora somos filhos amados por Deus.
  4. Herança – “Ora, se somos filhos, somos também herdeiros, herdeiros de Deus e co-herdeiros com Cristo: se com ele sofrermos, para que também com ele sejamos glorificados.” (Romanos 8:17). Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, para resgatar os que estavam sob a lei, a fim de que recebêssemos a adoção de filhos…De sorte que já não és mais escravo, porém filho; e, sendo filho, também herdeiro por Deus.” (Gálatas 4:1-7)
  5. Santificação – Existem dois sentidos para a palavra santificação, o sentido primário e o sentido secundário, para este artigo nós vamos nos ater ao sentido primário. Considera-se o sentido primário como sendo dedicação, consagração ou separação para algum uso específico na obra de Deus. O Senhor, por ocasião da nossa conversão, nos separa do mundo para que possamos ser usados como vasos ou instrumentos preciosos na Sua obra. Os cristãos são separados por Deus com um propósito muito especial para a glória Dele, neste sentido eles já estão santificados.
  6. Certeza – Quando ocorre o novo nascimento entra em seu coração um testemunho de que algo definitivamente aconteceu entre ele e Deus, esse é o testemunho do Espírito Santo em nós. “E porque vós sois filhos, enviou Deus aos nossos corações o Espírito do seu Filho, que clama Aba, Pai.” (Gálatas 4:6). Então saiba que não é a nossa relação com Deus, mas a relação Dele conosco que o Espírito testemunha. A verdade bendita testemunhada aos nossos corações é que Deus, o poderoso Senhor da glória, é nosso Pai. Queres maior certeza que esta?

Siga sua nova caminhada com amor e na certeza de que Deus está contigo em todos os momentos para te ajudar, consolar, sustentar, ensinar e cuidar de você. Glória ao Pai, glória ao Filho e glória ao Espírito Santo.

%d blogueiros gostam disto: